Painel do portefólio

O seu guia rápido sobre a nossa atividade de investimento atual e recente

Impacto

Uma instituição financeira multilateral com classificação de grau de investimento criada para ajudar a enfrentar as necessidades infraestruturais e os desafios de África.

Descrição geral:

  • Fundada em 2007 como empresa comum entre investidores públicos e privados;
  • Organização internacional constituída por tratado;
  • Um desembolso total de US$10.3bn; um total de ativos de US$8.56bn; um total de capital próprio de US$2.24bn, incluindo um capital realizado US$1.1bn*;
  • Uma pegada de investimento que abrange trinta e cinco (36) países africanos;
  • Uma classificação A3 (Emitente de Longo Prazo)/P2 (Emitente de Curto Prazo) atribuída pela Moody’s;
  • Um histórico de identificação, execução e implementação de projetos de transformação de infraestruturas;
  • Conhecimentos especializados em setores-chave prioritários: Recursos Naturais, Energia, Transportes e Logística, Telecomunicações e Indústria Pesada;
  • A Consultoria Financeira, juntamente com os serviços de tesouraria e sindicação, presta apoio holístico para o ciclo de uma operação;
  • Sinergias com uma rede única de investimentos regionais e globais e parceiros de consultoria, como credores, financiadores de projetos, coinvestidores e consultores;
  • Parcerias sólidas com o governo e um forte negócio de crédito soberano focado em infraestruturas;
  • Mais de 150 profissionais a trabalhar à escala pan-africana;
  • Ampla experiência em desenvolvimento de projetos; fundadora da Africa Infrastructure Development Association (AFIDA);
  • Conhecimentos especializados na implementação de produtos na estrutura de capital.

$10.3bn desembolsados para projetos em 36 países

  • Nigéria (País Anfitrião)
  • África do Sul
  • Angola
  • Benim
  • Botsuana
  • Burundi
  • Cabo Verde
  • Camarões
  • Chade
  • Costa do Marfim
  • Djibuti
  • Egito
  • Eritreia
  • Etiópia
  • Gabão
  • Gana
  • Guiné
  • Ir
  • Libéria
  • Malawi
  • Marrocos
  • Maurício
  • Mauritânia
  • Moçambique
  • Namíbia
  • Quénia
  • República Democrática do Congo
  • República do Congo
  • Ruanda
  • Senegal
  • Serra Leoa
  • Tanzânia
  • Tunísia
  • Uganda
  • Zâmbia
  • Zimbabué
Investment map V4 2

A AFC é uma instituição internacional constituída por tratado entre estados soberanos independentes.

37 Estados-Membros Africanos e 3 Organizações Multilaterais Membros

37 Países-Membros

  • Nigeria (País Anfitrião)
  • A Gâmbia
  • Angola
  • Benim
  • Burkina Faso
  • Cabo Verde
  • Camarões
  • Chade
  • Costa do Marfim
  • Djibuti
  • Egito
  • Eritreia
  • Gabão
  • Gana
  • Guiné Conarky
  • Guiné-Bissau
  • Ir
  • Libéria
  • Madagáscar
  • Malawi
  • Mali
  • Marrocos
  • Maurício
  • Mauritânia
  • Namíbia
  • Níger
  • Quênia
  • República Democrática do Congo
  • República do Congo
  • Ruanda
  • Senegal
  • Serra Leoa
  • Sudão do Sul
  • Tunísia
  • Uganda
  • Zâmbia
  • Zimbábue
Members map V5 1
10794 AFC WEBSITE Head Shots WEBSITE 380x500px 0025 Taiwo Adeniji
Contacto

Taiwo Adeniji – Diretor Principal, Gestão e Otimização de Carteiras

Taiwo Adeniji é o atual Diretor Principal de Operações e Realização de Investimentos da AFC, sendo responsável pelos investimentos em petróleo e gás e projetos mineiros da instituição, entre outras coisas.

A nossa história

2021

  • AFC emite 750 milhões de dólares norte-americanos em Eurobonds, a 7 anos, à taxa de 2,99%.
  • AFC anuncia Sameh Shenouda como diretor executivo e diretor de investimento.
  • Fundo OPEP para o Desenvolvimento Internacional concede um empréstimo de 50 milhões de dólares norte-americanos à AFC para apoiar a África pós-COVID-19.
  • AFC recebe um empréstimo de 100 milhões de dólares norte-americanos do Banco EXIM da Índia para impulsionar a recuperação pós-COVID-19.
  • Guiné e Togo tornam-se acionistas da AFC.
  • AFC cria uma divisão de gestão de ativos, e a AFC Capital anuncia o seu Fundo de Resiliência às Alterações Climáticas para Infraestruturas. Ayaan Zeinab Adam é anunciada como diretora executiva da AFC Capital.
  • AFC obtém um empréstimo de capital no valor de 250 milhões de dólares norte-americanos da Sociedade Financeira de Desenvolvimento Internacional do Governo dos EUA / Conclusão da primeira injeção de capital de nível 2 da Sociedade Financeira de Desenvolvimento Internacional dos EUA (DFC).
  • AFC atinge 33 países-membros, 60% das nações africanas com o Níger, Egito, Burquina Faso, RDC e Marrocos a tornarem-se membros.
  • Image

2020

  • Rendimento Líquido: 156,6 milhões de dólares norte-americanos
  • Total de Ativos: 7,36 mil milhões de dólares norte-americanos
  • Os capitais próprios cresceram para 2,076 mil milhões de dólares norte-americanos em função de investimentos de capital próprio da CDC Gabon (Fundo de Pensões do Estado da República do Gabão) e do Banco Árabe para o esenvolvimento Económico de África (BADEA).
  • O Banco Central da Nigéria (CBN) (o maior acionista da AFC) assinou o primeiro direito de subscrição de ações.
  • AFC consagra mais de 500 milhões de nairas à coligação do setor privado do Banco Central da Nigéria (CBN) contra a COVID-19.
  • AFC emite 700 milhões de dólares norte-americanos em Eurobonds, a 5 anos, de acordo com o Regulamento S.
  • Introdução de capital exigível à estrutura de capital da AFC.
  • Inclusão da República Democrática do Congo e Mali como países-membros.

2019 - 2020

  • Madagáscar, Maurícia, Mauritânia, Namíbia, Eritreia, Mali e Senegal tornam-se membros, e o Banco Africano para o Desenvolvimento (BAD) e o Gabão tornam-se acionistas.
  • Garantidos empréstimos a prazo Samurai, no valor de 150 milhões de dólares norte-americanos, e Kimchi, no valor de 140 milhões de dólares norte-americanos.
  • Emissão de uma obrigação de 200 milhões de francos suíços, a 4 anos, e um Eurobond de 500 milhões de dólares norte-americanos. Eurobond de 650 milhões de dólares norte-americanos.
  • Rendimento Líquido: 183,3 milhões de dólares norte-americanos
  • Total de Ativos: 6,1 mil milhões de dólares norte-americanos

2018

  • Zimbabwe, Malavi e Togo tornam-se membros.
  • Africa Re torna-se acionista.
  • Rendimento Líquido: 128,6 de dólares norte-americanos
  • Total de Ativos: LISS4 5hn

2017

  • Benim, Quénia e Zâmbia tornam-se países-membros.
  • Garantido empréstimo de 150 milhões de dólares norte-americanos, a 15 anos, pelo KfW, e emissão de 500 milhões de dólares norte-americanos em Eurobonds.
  • Emissão da primeira Sukuk, no valor de 150 milhões de dólares norte-americanos.
  • Rendimento Líquido: 100,3 milhões de dólares norte-americanos
  • Total de Ativos: 4,2 mil milhões de dólares norte-americanos

2016

  • Djibuti torna-se país-membro.
  • Lançamento da Africa Infrastructure Development Association.
  • Rendimento Líquido: 109,4 milhões de dólares norte-americanos
  • Total de Ativos: 3,4 mil milhões de dólares norte-americanos
Cargar más

ResumodosDestaques, OrganizaçãoInternacionalConstituídaporTratado

ResumodosDestaques

Coming soon!